Vídeo: Você pensa mobile?

De que o mobile é a bola da vez, ninguém mais tem dúvida e os números apresentados pela Vodafone nesse vídeo, reforçam ainda mais a importância estratégica de se “pensar mobile”.

Alguns dados:

  • 77% da população mundial já tem um telefone celular.
  • As pessoas checam seus celular em médias 120 vezes ao dia.
  • Até 2013 o acesso a internet via smartphones irá superar os acessos via computadores.

Mais dados e insights você confere no vídeo abaixo!

Anúncios

Plugin do Facebook: botão “Assinar”

Além dos plug-ins voltados para páginas de marca, o facebook lançou recentemente um plugin para o botão “assinar”, a nova ferramenta permite que os seus leitores assinem suas atualizações do perfil sem sair do seu site.

A funcionalidade do plugin é praticamente a mesma do ao Follow button do Twitter. Para adicionar o plugin em seu site é bem fácil, acesse este link, personalize os campos e pronto! Agora, é só colocar o código gerado aonde quiser.

Acompanhamento de concorrência nas mídias sociais

Identificar as estratégias dos concorrentes nas mídias sociais é tão importante quanto em qualquer outro meio. Através desse acompanhamento, muitas oportunidades e ações preventivas podem surgir.

Monitorando palavras relacionadas ao seu mercado e negócio, é possível que você já consiga rastrear informações sobre seus concorrentes, mas é importante criar uma busca de citações específica para os concorrentes. Com essa informação, é possível identificar as reações dos clientes e posicionar-se de modo colaborativo.

Se o seu concorrente não está respondendo e interagindo com os clientes pelas redes sociais, essa é uma ótima oportunidade para abordá-lo.

  1. Críticas: ao encontrar uma crítica à concorrência, é válido apresentar seus produtos e diferenciais. Um exemplo que posso citar é a ação da @_queronextel, frente a uma reclamação que fiz sobre a @timtimportimtim. Notando minha insatisfação, a empresa me enviou uma mensagem perguntando se eu tinha interesse em conhecer seus serviços e planos.
  2. Dúvidas: dúvidas não respondidas podem ser oportunidades similares às críticas, porém, é preciso olhar para esse material e identificar se os seus clientes também tem as mesmas questões e trabalhar suas mensagens de modo à antecipar-se.
  3. Elogios: o que o consumidor admira na concorrência? Essa resposta é encontrada nos elogios. Por meio desses comentários, você pode fortalecer seu negócio e até mesmo corrigir falhas.

Na lista acima, você vê três classificações de comentários que podemos encontrar, mas diversas situações (oportunidades) podem surgir. Não as deixe passar em branco.

Veja aqui, algumas ferramentas de monitoramento.

Publicado também no Comunifoco.

Google Badges: Social Plugin do Google+

Após o lançamento das Páginas do Google+ na última segunda-feira (7), o Google acaba de divulgar no blog da rede social o Google Badges, ou seja, um plugin que você insere em seu site para que os usuários marquem sua página com +1 ou a circule.

A ferramenta, assim como os social plugins do Facebook, é um aliado na divulgação e conquista de audiência para sua página.

Para obter o plugin, você deve fazer parte do grupo de discussão sobre a plataforma e depois acessar essa página para personalizar seu badge.

5 dicas sobre as Páginas do Google+

As Páginas do Google+ já estão liberadas para que você insira sua marca na rede social e para ajudar, o Google liberou um post na própria rede, com alguns pontos importantes que devemos observar:

1. Os usuários podem marcar uma página ou post da página com +1 ou adicioná-la em seus círculos

Clicando em +1, o usuário não receberá as atualizações de sua página, para tanto, é necessário que ele a insira em seus círculos. Essas opções deixam mais liberdade para os usuários que gostam de sua marca, porém, não querem manter contato frequente.

2. Uma página só pode seguir usuários que a adicionaram em seus círculos

O Primeiro passo deve ser do usuário, só depois disso que a marca poderá interagir de modo mais direto com ele.

3. Páginas não podem mencionar usuários que não a segue

Colocado pelo Google como sendo uma ação “anti-spam”, as páginas só podem mencionar usuários que a sigam.

4. Se um usuário der unfollow em uma página, automaticamente sairá do circulo da mesma

Tirando uma marca de seus círculos, você também não estará mais no círculo dela e, em consequência, não haverá mas interação entre ambos.

5. As páginas do Google+ podem ser encontradas na busca do Google

Por meio de um recurso chamado Direct Connect, é possível fazer uma busca digitando, por exemplo: +Pesi ou +Dell e a página será exibida nos resultados da busca. Veja abaixo, o vídeo que mostra o funcionamento do Direct Connect:

Google+ abre espaço para empresas

O Google anunciou hoje, em seu blog oficial, que as páginas corporativas (Páginas do Google+), estão disponíveis na rede social.

Com visual muito parecido com as Fan Pages do Facebook, as Páginas do Google+ chegaram de modo limitado, ou seja, por enquanto não é possível criar uma página para sua empresa (Acesse aqui para criar sua página!), mas você pode dar uma olhada nas que já estão lá e ir se inspirando. Alguns exemplos:

Cada vez mais marcas expõem seus produtos e serviços nas mídias sociais, por isso, essa ferramenta é mais do que essencial no Google+. O que me decepciona é que novamente o Google+ trouxe ao mercado uma ferramenta similar ao da concorrência, sem inovar, nem dispor de diferenciais que atraia os usuários.

Para finalizar, veja o vídeo de divulgação:

Mais de 1.500 vagas são divulgadas diaramente no Twitter

Infográfico divulgado hoje pelo Scup, mostra que em apenas 1 dia, 1.919 vagas de emprego foram divulgadas no Twitter.

Analisando as informações, vemos que a maior parte das oportunidades são de estágio para trabalho com mídia social e em relação às profissões, dentre as mais citadas estão: desenvolvedor/programador, jornalista, publicitário e analista de mídia social.

O Scup também avaliou os termos mais citados nas publicações e disponibilizou nesse infográfico, você pode aproveitar a lista para monitorar as palavras e ficar pr dentro das vagas.

Se você está procurando emprego, fique de olho no Twitter!

%d blogueiros gostam disto: